Banco Central libera registro de recebíveis de cartão para lojistas

As principais beneficiadas serão micro e pequenas empresas, que agora terão acesso a créditos com juros mais baixos na hora de oferecer aos bancos parte do que tem a receber. De acordo com o Banco Central, essa medida vai aumentar a concorrências entre as instituições financeiras, o que permitirá a redução do spread bancário


Desde o dia 7 de junho, o Banco Central liberou para lojistas o registro centralizado das receitas com as vendas por cartão de crédito.

As principais beneficiadas serão micro e pequenas empresas, que agora terão acesso a créditos com juros mais baixos na hora de oferecer aos bancos parte do que tem a receber.

De acordo com o Banco Central, essa medida vai aumentar a concorrências entre as instituições financeiras, o que permitirá a redução do spread bancário (a diferença entre as taxas pagas pelas instituições para captarem recursos e as taxas cobradas dos clientes).

Agora, então, os comerciantes podem dividir as agendas de recebíveis, ou seja, os valores que ainda vão receber, em lotes de dezenas ou centenas de transações. Também fica acessível a negociação com várias instituições financeiras, ao mesmo tempo, para garantir o melhor empréstimo. Esses recebíveis valem para as vendas realizadas por cartões de crédito e débito.

O Brasil tem três empresas que atuam como credenciadoras de recebíveis: CIP, Cerc e Tag, e todas disseram que é difícil montar os sistemas. A liberação dos registros só foi feita a partir de 7 de junho porque, em no ano passado, essas empresas pediram que o Banco Central adiasse a liberação. Uma das companhias, aliás, foi multada em R$ 30 milhões e foi obrigada a assinar um termo de compromisso para resolver os problemas até junho deste ano.

De acordo com o Banco Central, a estimativa é que os recebíveis de cartões movimentem cerca de R$ 1,8 trilhão por ano. Desse total, R$ 1 trilhão é referente as vendas dos cartões de crédito e R$ 80 bilhões são do fluxo dos cartões de débito.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

FOTO: Norma Mortenson no Pexels

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

©2021 Deltha Contabilidade - Todos os direitos reservados. | by Cloudbe

× Como podemos te ajudar?

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?